Telefone:

(11) 5071 7279

Celular:

(11) 9 8380 5660

Cortical

Notícias

Conheça alguns tipos de cirurgia íntima

Conheça alguns tipos de cirurgia íntima

As mulheres não sentem mais vergonha de expor sua vontade de melhorar o corpo, independentemente do local afetado. É o que afirma a cirurgiã plástica Natale Gontijo de Amorim, da clínica Ivo Pitanguy, no Rio de Janeiro.
 
À medida que procedimentos como a lipoaspiração tornam-se mais comuns, mulheres ganham coragem para modificar partes mais íntimas do corpo
 
Segundo ela, as queixas mais comuns das mulheres no que se refere à intimidade são o volume da região pubiana, conhecida como "monte de Vênus", e dos lábios vaginais.
 
As cirurgias realizadas na região genital costumam ser simples, feitas com anestesia local e quase sempre não exigem internação. Assim como qualquer plástica, há dor e desconforto nos primeiros dias e, dependendo do tipo de operação, é preciso ficar até 60 dias sem relações sexuais. 
 
Conheça alguns tipos de procedimentos:
 
Labioplastia - para reduzir ou redefinir os pequenos ou grandes lábios vaginais. Indicada em casos de flacidez, hipertrofia (volume excessivo) ou problemas de má-formação. Em casos de murchamento, utiliza-se um enxerto de gordura extraída da própria paciente para preencher os grandes lábios. 
 
Perineoplastia - cirurgia para reconstruir a musculatura da região, que pode ficar alterada após sucessivos partos naturais ou com a idade. Muitas vezes é feita pelo próprio obstetra. O problema muitas vezes provoca a queda da bexiga e causa incontinência urinária, além de interferir na vida sexual. 
 
Estreitamento do canal vaginal - também indicada nos casos em que houve alargamento devido a sucessivos partos naturais ou com a idade e que a perda de elasticidade interfere no sexo. 
 
Lipoaspiração no "monte de Vênus" - procedimento para eliminar o excesso de gordura na região púbica. Em geral, são necessárias duas ou três incisões, de menos de um centímetro cada. 
 
Clareamento vaginal - cirurgia para amenizar o escurecimento dos lábios vaginais, que pode ter causa hormonal ou uma característica natural da mulher. Parte da mucosa em que estão concentrados os pigmentos é retirada. 
 
Transplante de pêlos - indicada para mulheres que apresentam redução de pêlos na região púbica devido a problemas hormonais ou cesáreas. 
 
Clitoriplastia - pouco comum, a cirurgia é indicada para reconstituição do clitóris em casos de circuncisão feminina, ou quando, por problemas de má-formação, o clitóris fica encoberto, prejudicando o prazer sexual. 
 
Himenoplastia - a reconstituição do hímen é um procedimento simples, em que o cirurgião usa um retalho extraído da mucosa vaginal da própria paciente. Médicos têm opiniões diferentes sobre os casos em que a operação se justifica. 
 
Fontes: Natale Gontijo de Amorim (cirurgiã plástica - RJ)), Murilo Caldeira Ribeiro (cirurgião plástico - SP), Marcos Desidério Ricci (ginecologista - SP) e Michael Goodman (ginecologista e cirurgião - CA, EUA)


Logo

Rua Fiação da Saúde, 145
Conjunto 67 - Próximo ao Metrô
Saúde - São Paulo, SP
Atendimento por telefone das 10h as 19h de segunda a sexta: Telefone: (11) 5071 7279
Atendimento por celular em qualquer horário (direto com o Dr(a)) Cel Principal: (11) 9 8380 5660
Cel Secundário: (11) 9 9754 5448
facebook instagram

Trip Propaganda